Segunda-feira - Manaus - 14 de outubro de 2019 - 04:17

MANAUS-AM

BR-319 não está incluída na proposta feita pelo governo federal para execução em 2020

Deputados estaduais assinaram moção de repúdio que será encaminhado ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro da Economia, Paulo Guedes

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 15 de setembro - 09:49

O presidente Bolsonaro fez promessa em visita feita ao Amazonas

Foto: Divulgação

A recuperação da estrada BR-319, prometida pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) durante visita a Manaus, não foi incluída na proposta orçamentária para 2020, elaborada pelo governo Federal. O documento com as obras que receberão recursos no próximo ano foi encaminhado na última segunda-feira (9) ao Congresso Nacional.

A ausência da BR-319 no plano de obras foi criticada pelo deputado estadual Fausto Jr. (PV) “O presidente Bolsonaro veio a Manaus e disse que a BR-319 seria recuperada em 2020. Agora tivemos a notícia que a estrada sequer foi incluída na proposta de orçamento do próximo ano”, criticou Fausto Jr.

Segundo o deputado, o presidente Bolsonaro deve cumprir a promessa feita ao povo do Amazonas. “Ele (Bolsonaro) teve mais de 1 milhão de votos no Amazonas. São amazonenses que acreditaram no compromisso dele com nosso Estado”, acrescentou Fausto.

O parlamentar também lamentou o corte no orçamento da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) para o próximo ano. Segundo a proposta orçamentária para 2020, a Suframa terá redução de quase 80% no volume de recursos em comparação ao orçamento deste ano.

“Em 2019 a Suframa teve R$ 1,1 bilhão em recursos. Para 2020, esse valor cairá para apenas R$ 253 milhões”, explica Fausto. “Estão querendo deixar a Zona Franca de Manaus com o pires na mão. Não vamos aceitar essa situação”, criticou o deputado.

Fausto Jr. foi um dos primeiros deputados a assinar a moção de repúdio que será encaminhado ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro da Economia, Paulo Guedes. “Estamos preparando uma comitiva de deputados que irá a Brasília para uma reunião com o presidente Bolsonaro”, anunciou o deputado. “Queremos que o presidente confirme seu compromisso com o povo do Amazonas e com a Zona Franca de Manaus”, cobrou Fausto Jr.