Segunda-feira - Manaus - 18 de janeiro de 2021 - 00:43

MANAUS-AM

Capitão da PM é morto enquanto fazia caminhada na zona Leste

Nas imagens que circulam pelas redes sociais é possível ver o momento em que o capitão caminhava no Conjunto Castanheiras, quando aparece um veículo

CARLA ALBUQUERQUE

Publicado em 13 de janeiro - 10:31

Ele chegou a ser atendido, mas morreu

Foto: Divulgação

O capitão da Polícia Militar Deivide de Souza Chaves, 32, morreu na noite desta terça-feira, 12/1, após ser atingido com um tiro no abdome. O oficial foi baleado enquanto fazia caminhada com o cachorro, no Conjunto Castanheiras, no Gilberto Mestrinho, na zona Leste de Manaus. O crime foi gravado por câmeras de vigilância de uma residência e mostra a ação dos suspeitos, que fugiram em um veículo modelo Onix. 

Nas imagens que circulam pelas redes sociais é possível ver o momento em que o capitão caminhava pela Rua Ananás, por volta das 22h30. Durante o percurso ele aparece manuseando o celular e quando nota a aproximação do veículo, faz um gesto e repassa o celular aos  criminosos, que batem no aparelho o arremessando por cima do carro. 
Os suspeitos, de acordo com a polícia, efetuaram cerca de sete disparos. Um dos tiros atingiu o policial, que aparece nas imagens caindo, e mesmo caído consegue fazer alguns disparos. Em seguida, os suspeitos fogem em um Ônix branco.

Deivide ainda chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital e Pronto-Socorro Dr. João Lúcio, onde não resistiu ao ferimento e acabou falecendo. Para a polícia, uma das suspeita é de que o capitão foi vítima de latrocínio, mas o crime vai ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).