Terça-feira - Manaus - 22 de setembro de 2020 - 16:51

BRASIL

Comissão sobre pagamento de 13º ao Bolsa Família faz nova tentativa de votar relatório

O parecer à proposta já está pronto para votação, mas a falta de quórum impossibilitou duas reuniões agendadas na semana passada

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 11 de fevereiro - 15:40

Em seu relatório, Randolfe Rodrigues apontou como fonte de recursos o aumento da arrecadação da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL)

Foto: Divulgação

A comissão mista responsável pela análise da Medida Provisória 898/19, que estabelece o pagamento de 13º aos beneficiários do Bolsa Família, tem reunião agendada para esta tarde para votar o relatório do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

O parecer à proposta já está pronto para votação, mas a falta de quórum impossibilitou duas reuniões agendadas na semana passada. O presidente da comissão que examina o texto da medida provisória, deputado Camilo Capiberibe (PSB-AP), creditou a falta de quórum à baixa presença de parlamentares em Brasília para o início das atividades legislativas de 2020.

Em seu relatório, Randolfe Rodrigues apontou como fonte de recursos o aumento da arrecadação da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), que tem uma estimativa de render entre R$ 50 e R$ 63 bilhões. Ele garantiu também que o parecer final incluiu a extensão do pagamento do 13º também a quem recebe o Benefício da Prestação Continuada (BPC).