Quarta-feira - Manaus - 8 de julho de 2020 - 03:39

MANAUS-AM

Em novo recorde, Amazonas registra 2.763 novos casos de Covid-19

Interior do Amazonas possui 55% dos casos.

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 29 de mai - 18:36

Estado já registrou 2.011 mortes

Foto: Divulgação

Em 24 horas, o Amazonas registrou 2.763 novos casos do novo coronavírus (Covid-19) no estado, totalizando 38.909 casos confirmados, segundo boletim epidemiológico divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) nesta sexta-feira, 29/5. 

De acordo com o boletim, exames laboratoriais confirmaram mais 47 óbitos pela doença, sendo 24 ocorridos nas últimas 24 horas, elevando para 2.011 o total de mortes. Na capital, de acordo com dados da Prefeitura de Manaus, nesta quinta-feira, 28/05, foram registrados 49 sepultamentos, 5 óbitos domiciliares e 1 cremação.

Dos 38.909 casos confirmados no Amazonas até esta sexta-feira (29/05), 17.492 são de Manaus (44,96%) e 21.417 do interior do estado (55,04%).

O boletim aponta que 5.284 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão em isolamento social ou domiciliar. Outras 31.121 pessoas já passaram pelo período de quarentena (14 dias) e se recuperaram da doença.

Dos óbitos, em Manaus, há o registro de 1.349 óbitos confirmados em decorrência do novo coronavírus. No interior do Amazonas, 48 municípios registraram óbitos, totalizando 662. 

Internações

Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 493 pacientes internados, sendo 310 em leitos clínicos (49 na rede privada e 261 na rede pública) e 183 em UTI (65 na rede privada e 118 na rede pública).

Há ainda outros 475 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 344 estão em leitos clínicos (84 na rede privada e 260 na rede pública) e 131 estão em UTI (24 na rede privada e 107 na rede pública).

Ocupação de leitos

De acordo com números consolidados pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam) nesta quinta-feira (28/05), a taxa de ocupação de leitos de UTI Covid era 69% e a taxa de UTI não-Covid era de 65%.

Em relação aos leitos clínicos Covid, a taxa de ocupação estava em 46% nesta quinta, já os leitos não-Covid registravam 54% de ocupação.