Quinta-feira - Manaus - 22 de outubro de 2020 - 02:21

MANAUS-AM

Pesquisa Ibope mostra queda de Amazonino e indefinição pelo segundo turno em Manaus

David Almeida (Avante), Ricardo Nicolau (PSD), e Zé Ricardo (PT) estão praticamente empatados 

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 15 de outubro - 07:05

Quem vai para o segundo turno ainda está indefinido

Foto Divulgação

Pesquisa Ibope divulgada pela Rede Amazônica nesta quarta-feira (14) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para a Prefeitura de Manaus nas Eleições 2020:

  • Amazonino Mendes (Podemos): 25%
  • David Almeida (Avante): 13%
  • Ricardo Nicolau (PSD): 11%
  • Zé Ricardo (PT): 10%
  • Capitão Alberto Neto (Republicanos): 7%
  • Coronel Menezes (Patriota): 6%
  • Alfredo Nascimento (PL): 3%
  • Chico Preto (DC): 3%
  • Romero Reis (Novo): 2%
  • Marcelo Amil (PC do B): 1%
  • Branco/Nulo: 16%
  • Não sabe/Não respondeu: 3%

O nome do candidato Gilberto Vasconcelos (PSTU) não foi citado pelos entrevistados.

Rejeição

A pesquisa também perguntou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Os percentuais foram os seguintes:

  • Alfredo Nascimento (PL): 44%
  • Amazonino Mendes (Podemos): 42%
  • Zé Ricardo (PT): 23%
  • Chico Preto (DC): 18%
  • Ricardo Nicolau (PSD): 18%
  • Capitão Alberto Neto (Republicanos): 17%
  • David Almeida (Avante): 15%
  • Coronel Menezes (Patriota): 14%
  • Marcelo Amil (PC do B): 12%
  • Romero Reis (Novo): 12%
  • Gilberto Vasconcelos (PSTU): 11%
  • Poderiam votar em todos: 1%
  • Não sabem ou preferem não opinar: 8%

Os entrevistados podiam apontar mais de uma resposta, por isso a soma dos fatores apontados é de mais de 100%.

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 4 pontos percentuais para mais ou para menos;
Quem foi ouvido: 504 eleitores da cidade de Manaus;
Quando a pesquisa foi feita: 12 e 14 de outubro;
A pesquisa foi encomendada pela Rede Amazônica;
Número de identificação na Justiça Eleitoral: AM-09557/2020;
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.