Segunda-feira - Manaus - 18 de novembro de 2019 - 05:10

MANAUS-AM

Sine Amazonas já emitiu mais de 30 mil Carteiras de Trabalho, em 1ª e 2ª vias

Número representa um aumento de 43% em relação à quantidade emitida no ano anterior

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 11 de outubro - 14:43

O número expressivo representa não só o atendimento da secretaria na capital como também em vários municípios do interior

Foto: Divulgação

No mês de setembro, a Secretaria de Estado do Trabalho (Setrab), por intermédio do Sistema Nacional de Emprego do Amazonas (Sine-AM), ultrapassou a marca de 30.603 carteiras de trabalho emitidas no estado, em primeira e segunda vias, de janeiro a setembro de 2019. O número expressivo representa não só o atendimento da secretaria na capital como também em vários municípios do interior, com aumento de 43% no comparativo ao acumulado no mesmo período de 2018, quando foram registradas 21.362 emissões. 

“Isso demonstra que a Setrab está presente no maior número possível de municípios, levando os serviços do Governo do Estado a quem necessita, tanto na capital ou interior”, afirma o secretário executivo da Setrab, Almir Albuquerque.

As mais de 30 mil unidades foram emitidas na sede do órgão na capital, e nas sete unidades descentralizadas do Sine Amazonas nas unidades do Pronto Atendimento ao Cidadão (PACs) e, ainda, durante as ações itinerantes realizadas pelo órgão no interior e na capital, para atender as demandas.

Carteira de Trabalho Digital

Desde o dia 20 de setembro, por determinação do Governo Federal, a Carteira de Trabalho e Previdência Social Digital se tornou obrigatória. Prevista na Lei da Liberdade Econômica, a Carteira Digital é disciplinada pela Portaria 1.065, da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. 

Portanto, todo cidadão que tenha CPF já está cadastrado no sistema nacional e possui a versão digital do documento. Para validar o novo documento, é necessário ter acesso à internet, por meio de navegador em computador, ou nas lojas de aplicativos para smartphones dos sistemas iOS ou Android. Após a confirmação de dados pessoais, o trabalhador está apto a consultar sua vida profissional online. 

“Estamos na fase de transição do físico para o virtual, orientando quem nos procura sobre o passo a passo para validar a versão digital da Carteira de Trabalho. Todas as anotações profissionais que o trabalhador tem na carteira física estarão automaticamente na Carteira Digital, portanto é mais facilidade, quebra de burocracia para anotações seja contratação, aumento de salário, férias, entre outras vantagens”, comentou o secretário executivo.

É importante ressaltar que a Setrab continua com o serviço de emissão da carteira de trabalho física, uma vez que existem algumas limitações geográficas e de acesso à internet, especialmente no interior do estado. “Tendo em vista as nossas dimensões e nossas especificidades, para que a emissão da versão do documento físico continue sendo realizada no Amazonas”, pontuou Almir Albuquerque.